Nogueira e Silva Escura
   
Página Inicial Contactos  
     
  E-Mail Login
Actualize os dados da sua Freguesia
AINDA NÃO TEM SITE?
Escolha aqui a melhor solução
LINKS
Links Uteis
FARMÁCIAS
Farmácias de Serviço
HOME | PORTUGAL » Porto » Maia » Nogueira e Silva Escura
KIT DE MATERNIDADE
KIT DE MATERNIDADE
Junta de Freguesia oferece Kits de Maternidade aos recém-nascidos de Nogueira e Silva Escura.
Ler mais...

Informação dos dias de Atendimento das Pessoas da Freguesia
Informação dos dias de Atendimento das Pessoas da Freguesia
LIMPEZA DE TERRENO
LIMPEZA DE TERRENO
ESPAÇO CIDADÃO
ESPAÇO CIDADÃO

Parques Infantis
Equipamentos destinados ao lazer das nossas crianças
Creche de Nogueira
Monte Calvário
Urb.do Solheirinho
Ler mais...
MAPA GOOGLE
Mapa das Estradas
Reorganização administrativa do território (Lei n.º 22/2012, de 30 de maio)
Freguesia: Nogueira e Silva Escura

Freguesia criada por agregação das extintas freguesias de:

Nogueira, Silva Escura
Distrito: Porto
Concelho: Maia
 
Freguesia: Nogueira e Silva Escura
CONTACTOS
 
Morada Rua do Calvário, n.º 380
Cód. Postal 4475-463 Nogueira-Maia
Telefone 229617210
Fax 229617219
Email jfnogueira@sapo.pt, juntasilvaescura@sapo.pt
Site www.nogueiraesilvaescura.freguesias.pt

   

EXECUTIVO DA JUNTA
 
Presidente
Ilidio Silva Carneiro
Secretário
José Torres Sousa Dias
Tesoureiro
Maria Madalena Moutinho Nogueira Santos
 
 

 
Vogal
Nuno Ricardo Gomes Soares
Vogal
Luis Miguel de Ascenção Teixeira
ASSEMBLEIA DA FREGUESIA
 
Presidente
Manuel Marques Nogueira dos Santos
Secretário
Maria da Conceição da Costa Carneiro
Secretário
Aldina Maria Martins Oliveira Prata
 
 
Restantes Elementos

Vogal - Rui Cruz Andrade

Vogal - José Pereira Dias

Vogal - Joaquim Jorge Teixeira Pereira

Vogal - Anabela Monteiro da Silva M. Gadelho

Vogal - Vítor Daniel Martins Mota

Vogal - Vítor M. Ferreira da Silva Bastos

Vogal - Ana Vanessa dos Santos Madureira

Vogal - Nuno Miguel Pontes Moutinho

Vogal - Rui Manuel Vieira Guimarães

Vogal - Maria do Céu Santos Silva Costa

 

DESCRIÇÃO DA FREGUESIA
 
Breve Resenha Histórica

No distrito do Porto, a cerca de 3 quilómetros da Maia, sede concelhia, está situada a freguesia de Silva Escura, no extremo Noroeste do concelho.
O seu orago é Santa Maria, mas apesar desta grande devoção à padroeira, são também celebrados na freguesia, Santo António, a 13 de Junho e Nossa Senhora da Conceição, em Agosto.
O povoamento de Silva Escura é bastante antigo e a julgar pelos nomes de alguns dos locais que a constituem, depreende-se que será anterior ao século XII, atingindo épocas proto-históricas, pelo menos. O próprio topónimo Silva Escura ascende a grande antiguidade, sendo Silva nome de planta, ou, nalguns casos, da invocação de Nossa Senhora da Silva. O qualificativo Escura vem de certa forma salientar a densidade da vegetação no local, por isso sombrio.
O documento mais antigo referente a Silva Escura é um diploma do ano de 906, que se refere a um contrato de divisão de bens da Igreja de Silva Escura entre os bispos D. Nausto de Coimbra e D. Sismando de Iria. De instituição paroquial anterior ao século XII, Silva Escura era nesta época constituída pelas villas rústicas de Devesa, Friães, Frijufe, Sá, Silva Escura e Taim, todas elas com os respectivos casais, mencionadas nas Inquirições de 1258. O senhorio destas villas pertencia em geral a fidalgos e cavaleiros -fidalgos, e no caso de Devesa e Friães era repartido com aqueles e com o Mosteiro de Santo Tirso e o cónego da Sé do Porto (Pedro Mendes), respectivamente.
Em 1258, era abade desta freguesia o padre João de Sá -e este de Sá não indica estirpe, mas a naturalidade (o lugar de Sá nesta freguesia). O Censual altimedievo da Sé portuense indica esta censoria episcopal, na ecclesia de Santae Mariae de Silva obscura: a terça das mortulhas, um moio de trigo, três de aveia, e dois de milho. O padroado da igreja que no século XIII se encontrava na posse só dos fidalgos, foi posteriormente repartido pelo papa, o bispo da diocese e o mosteiro de Santo Tirso, senhor aí de vários bens (doados antes de 1258, certamente pelos supracitados fidalgos). As três entidades apresentavam o abade alternadamente, com cerca de 500 mil réis anuais de rendimento.
Como património cultural e edificado a freguesia destaca-se a Igreja Paroquial, e como local de maior interesse turístico o Monte de Santo António.
A população de Silva Escura dedica-se essencialmente à metalomecânica, ao mobiliário, à indústria têxtil e à agro-pecuária. O artesanato de Silva Escura é bastante procurado, destacando-se entre outros, as famosas esculturas de santos em madeira.
 
 
Home | Soluções | Mapa das Estradas | Login | Link Úteis | Publicidade | Contactos
freguesias.pt © 2006 Todos os direitos reservados | Avisos Legais | Declaração de Privacidade