.:: Freguesia de Santa Cruz ::.
Este website utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação e aumentar a usabilidade do mesmo. Para aceitar o uso de cookies basta continuar a navegar no website. Para mais informação consulte a informação sobre Politica de Privacidade e Política de cookies do site.
Aceitar
Brasao_Cabecalho
« »
Quarta-Feira, 20.11.2019
 
Contacte-nos
Recenseamento
Farmácias
Gastronomia
 
Falachas

As Falachas, são um doce, feitas com farinha de castanha.As castanhas depois de secas, são colocadas num saco de serapilheira, e bate-se várias vezes contra o chão ou uma parede, para se separarem as cascas da castanha do fruto seco. As castanhas descascadas e secas, é moída e transformada em farinha que depois de amassada forma uma pasta. A pasta é trabalhada, em pequenas porções, onde é espalmada, de forma redonda, para ser cozida em forno de lenha. As folhas de castanheiro são utilizadas como forma, uma vez colocadas na base das falhas. Assim são confeccionadas, as tradicionais, típicas e artesanais falachas, muito apreciadas e comercializadas na feira anual de S. Gregório, a 12 de Março.
A tradição desta originária iguaria, deve-se ao principal facto, de no passado, em toda a freguesia de Santa Cruz , ter sido uma das principais fontes de rendimento agrícola, o cultivo de castanheiros (Soitos) e produção de castanhas. Hoje em dia embora existentes, são de muito menor quantidade.

Cabritinho no forno

O cabritinho de Vila Nova, adquiriu fama, muita para além das portas do concelho, e no país, muito por força da sua reconhecida qualidade inigualável, graças as muito específicas pastagens impares, onde os rebanhos são apascentados, a uma altitude superior aos 900 metros de altitude. O segredo do cabritinho está na sua genuína qualidade.

Prepara-se um tabuleiro de barro, onde é colocado o cabritinho, já esfolado e limpo. Os temperos usados são o vinho, folhas de loureiro, alho, sal, salsa, durante 12 horas aproximadamente. Vai assar em forno de lenha bem quente. Depois de assado é acompanhado por umas batatinhas e arroz do forno, assadas em tabuleiros separados. Serve-se quente e sempre bem acompanhado com um bom vinho tinto, sobretudo o da região do concelho de Armamar, da encosta sul do Douro, onde o vinho e o cabritinho, tem outro paladar: O genuíno sabor tradicional do cabritinho de Armamar...
Agenda de Eventos
D S T Q Q S S
      1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
Mapa Google
Visitas
.::Visitas::.
Início Autarcas Freguesia Informações Notícias Mapa do Portal Contactos Política de Privacidade
Junta de Freguesia de Santa Cruz © 2017 Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por FREGUESIAS.PT
Portal optimizado para resolução de 1024px por 768px