.:: Freguesia de Piedade ::.
Este website utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação e aumentar a usabilidade do mesmo. Para aceitar o uso de cookies basta continuar a navegar no website. Para mais informação consulte a informação sobre Politica de Privacidade e Política de cookies do site.
Aceitar
« »
Quarta-Feira, 20.11.2019
 
Contacte-nos
Farmácias
Gastronomia
 

SOPAS DO ESPÍRITO SANTO

 "Sopas de Espírito Santo" é um prato típico, muito especial, confeccionado em todas as ilhas açorianas, por altura das festas em honra do Paráclito e que tem a sua origem ligada aos objectivos primordiais dos chamados "impérios" do Espírito Santo, também eles muito divulgados em todas as ilhas. Estes objectivos são, fundamentalmente, o da partilha da carne e do pão, pelos mais necessitados. Cuida-se que inicialmente a carne e o pão seriam distribuídos apenas pelos pobres, mas que, na prática, eram repartidos com quase todos os habitantes de cada uma das freguesias das nove ilhas, uma vez que nestas reinava bastante pobreza. Inicialmente, a carne seria oferecida crua juntamente com o pão cozido, costume que ainda se mantinha na primeira metade do século passado, nalgumas ilhas ou em algumas freguesias, como era o caso da Fajã Grande das Flores. Hoje, praticamente, em todas as ilhas, em todas as freguesias e em todos os impérios a carne e o pão são partilhados depois de cozinhados, sob a forma de Sopas do Espírito Santo.
Estas sopas são confeccionadas com pão seco que é, posteriormente, coberto com o caldo que resultou da água que cozeu a carne, devidamente temperada. Ao pão, antes de ser coberto com o caldo, é, também, adicionada hortelã e outros condimentos. A carne cozida serve-se juntamente com o pão. Tradicionalmente, estas sopas são servidas no dia das festas do Divino Espírito Santo, a todos os irmãos e a muitos convidados. No Pico, quer no domingo de Pentecostes, quer na segunda e na terça-feira seguintes, assim como no domingo da Trindade, são servidas dezenas de milhares de refeições deste tipo de sopas. Se tivermos em conta que numa freguesia relativamente pequena, como é a de São Caetano, apenas num dos seus dois impérios, no da Prainha, na terça-feira do Espírito Santo, são servidas cerca de quinhentas refeições e que todos os impérios da ilha do Pico, alguns deles bem maiores, servem sopas, durante aqueles três dias e ainda no sábado que os antecede e no domingo da Trindade, poder-se-á ter uma ideia da quantidade de refeições que, nestes dias, são oferecidas em louvor do Espírito Santo. Para além destas sopas, é incluída no cardápio do dia da festa, em muitas das freguesias picoenses, a famosa carne assada e, por fim, ainda é servido o tradicional arroz doce, sobre o qual, com canela em pó, é desenhado, em cada prato ou travessa, o símbolo do Paráclito, nas ilhas - a coroa.
Em todas as ilhas é possível comer estas sopas, todavia a receita vai variando de ilha para ilha e até mesmo de freguesia para freguesia. Entre as muitas e variadas sopas açorianas, a mais popular é esta, a do Espírito Santo, também conhecida por sopa do Império, a qual faz parte integrante da ementa do almoço, no dia da festa do Espírito Santo, sendo tradicionalmente realizada, regra geral, por altura do Pentecostes. Há, no entanto, confecção das mesmas, a quando do cumprimento de promessas em honra do Divino Espírito Santo, sobretudo por parte de emigrantes e que acontecem por alturas do verão. Mas, para além disso, cada vez se tem enraizado mais o hábito de as confeccionar por altura de qualquer acontecimento, festividade ou comemoração importante.
Para a confecção das sopas, no caso da ilha do Pico, basta cozer a carne de vaca em água com os respectivos temperos. É nestes que reside o segredo das sopas e do seu delicioso sabor. De seguida, parte-se o pão em pedaços, colocando-os em tigelas grandes ou terrinas. Deita-se o caldo de cozer as carnes por cima do pão até este ficar bem ensopado e abafam-se as sopas, até à altura de serem servidas.
Não há ilha açoriana onde se não façam, as sopas do Espírito Santo, sobretudo nos meses de Maio ou Junho. A acompanhá-las, o bom vinho da região.
No dia da realização da respectiva festa, servem-se, a todos os habitantes da freguesia e a muitos convidados, as tradicionais deliciosas sopas de Espírito Santo, muito gostosas e muito desejadas porquanto se confeccionam e, sobretudo, se servem com muito amor, carinho e dedicação.


                                   


Caldo de Peixe

A receita do caldo de peixe, foi trazida ao Pico, nos anos 40 do século passado. Esta receita, tem vindo a ser alterada ao longo dos anos. Até na própria freguesia da Piedade, este prato varia de casa para casa.

 Quanto maior for a variedade de peixes utilizada, melhor. Com eles se prepara um caldo e depois é servido à parte e que se vai bebendo enquanto se come o peixe com as sopas de pão de milho que são regadas com o próprio caldo. Em algumas freguesias da ilha, preferem o acompanhamento da batata cozida.

Dicas para a confecção: Seleccionar pelo menos quatro espécies de peixe (bicuda, sargo, garoupa, írio, etc.). Cortar em postas grossas e temperar com sal.

Numa panela grande, coloque água, salsa, polpa de tomate ou tomate pelado, cebola e alho de rama de preferência. Deixe ferver mais ou menos 1/2 hora. Junte o peixe e deixe cozer.

 Num almofariz/ gral, pisar salsa com dentes de alho, sal grosso e um pouco de vinagre. Estando tudo em papa, juntar um pouco da água onde o peixe foi cozido. Na altura de servir no prato,  regar o peixe com o molho preparado. Ao mesmo tempo, servir o caldo em tigelas. Come-se o peixe com as sopas de pão de milho ao mesmo tempo que se vão bebendo golinhos de caldo.

É um prato muita vez confeccionado em casa de particulares como também em festividades públicas, como por exemplo, chamarritas.

O restaurante "O Ponta da Ilha" confecciona também este prato para venda ao seus clientes.

Caldos de peixe há muitos, mas como os da Piedade, há poucos :)



 

                       


Agenda de Eventos
D S T Q Q S S
      1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
Formulário Candidatura
Mapa Google
Visitas
.::Visitas::.
Início Autarcas Freguesia Informações Notícias Mapa do Portal Contactos Política de Privacidade
Junta de Freguesia de Piedade © 2010 Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por FREGUESIAS.PT
Portal optimizado para resolução de 1024px por 768px