.:: Junta de Freguesia de Nespereira ::.
Este website utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação e aumentar a usabilidade do mesmo. Para aceitar o uso de cookies basta continuar a navegar no website. Para mais informação consulte a informação sobre Politica de Privacidade e Política de cookies do site.
Aceitar
« »
Quinta-Feira, 18.7.2019
 
Contacte-nos
Farmácias
Lendas e Tradições
 

"Há conhecimento de que, no ano de 950, na divisão de herança do Conde Hermenegildo, a igreja de Nespereira tocou a Gonçalo, filho de Mumadona (Fundadora da cidade de Guimarães), que cedeu a sua mãe, em troca da de Tabuadelo. Daqui se pode concluir que esta igreja de Stª Eulália de Nespereira já existia antes de meados do séc. X e a povoação existiria, seguramente, muito tempo antes. Aparce referênciada no ano de 973, mas haveria de ser destruída por um incêndio, dela restando a torre sineira. A igreja paroquial atual datará de 1880 e ostenta uma sóbria e eclética traça arquitectónica, de influências barroca e neclassiciata.

A toponímia local demonstra desde logo um remoto povoamento, muito concretamente no sítio do Castro. O arqueólogo Martins Sarmento terá ali registado achados de um âmbito cronológico do proto-história final, surgindo mais tarde classificado como povoado castrejo.

Importantes para a história da freguesia é a memória da realização das antigas procissões que outrora eram organizadas pelas confrarias religiosas da paróquia, mas que com o decorrer dos anos e devido também à proximidade com a sede do concelho deixaram de existir.

Resiste, no entanto, a Procissão do Senhor dos aflitos, que tem lugar no domingo a seguir ao dia da Ascensão e sobe até ao alto das Senhoras do Monte. É um clamor, a que os povos antigos recorriam rogando remédios para os seus males ou pedindo ao Divino boas safras, implorando chuvas nos quentes verões, ou rezando pelo inverso quando as chuvadas se prolongavam para além do que era entendido como normal.

Localizada a cerca de sete quilómetros para sudoeste da capital concelhia, Nespereira, freguesia ampla e populosa, está rodeada e delimitada pelas freguesias de S. Martinho e S. Tiago de Candoso, Polvoreira, Gandarela e confrontando também a com o município de Vizela.

Com uma topografia pouco acidentada, Nespereira detém razoável trechos de excelentes solos agricultáveis. Este factor permitiu que até meados do século passado, esta freguesia fosse considerada uma freguesia tipicamente rural. De então para cá tem vindo a assistir a um considerável desenvolvimento económico, demográfico e urbano, tendo como principal motor o sector industrial, particularmente, o sector têxtil.

Terra de eleição de nomes grandes da história e cultura pátria, em muito isso ficou a dever aos seus espaços aprazíveis, às suas quintas e casas senhoriais, à sua boa gastronomia e peculiar artesanato, que ainda hoje se afirmam deliciosamente."

Excerto tirado do Processo de Constituição de Heráldica da Freguesia de Nespereira - Enquadramento Histórico e Cultural da Freguesia


 
Notícias
Mural a Raul Brandão
PROJETO tentAção na antiga fábrica do Neiva & Pereira
Espaço do Cidadão
Espaço do Cidadão
Posto de Correios
Posto de Correios
DIA DA DEFESA NACIONAL 2019(NASCIDOS A 2000)

AULAS DE ATIVIDADE FÍSICA
Já estão a decorrer as aulas de Atividade Física na Escola E.B1/JI de Arrau. Dias: Segundas e Quartas feiras das 19h45 às 20h30.
RECOLHA DE RESÍDUOS VOLUMOSOS
PRÓXIMA DATA: DIA 18 DE SETEMBRO DE 2019
Mapa Google
Visitas
.::Visitas::.
Hoje: 83
Total: 172909
Início Autarcas Freguesia Informações Notícias Mapa do Portal Contactos Política de Privacidade
Junta de Freguesia de Nespereira © 2008 Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por FREGUESIAS.PT
Portal optimizado para resolução de 1024px por 768px