.:: Freguesia de Nelas ::.
Este website utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação e aumentar a usabilidade do mesmo. Para aceitar o uso de cookies basta continuar a navegar no website. Para mais informação consulte a informação sobre Politica de Privacidade e Política de cookies do site.
Aceitar
« »
Terça-Feira, 23.4.2024
 
Contacte-nos
Dia da Defesa Nacional
Farmácias
Locais de Interese (Património)
Sepultura do Largo do Colóquio
O conjunto localizado no Largo do Colóquio é composto apenas por uma “sepultura antropomórfica, escavada no afloramento granítico e implantada numa encosta suave, na extremidade oeste da aldeia do Folhadal”. Na investigação que realizou, Sandra Lourenço coloca a possibilidade de esta sepultura ter sido reutilizada como lagareta, uma vez que na “zona dos pés apresenta um pequeno canal escavado, com 6 cm de comprimento e 6cm de largura.

Património Religioso


O Património Religioso é um fenómeno que tem paralelo com o que se verificou por todo o território nacional, onde a talha dourada e policromada alcançou extraordinário desenvolvimento e originalidade entre os séculos XV e XIX, convertendo-se num recurso indispensável nas igrejas e capelas.

A arte da talha é utilizada como suporte de uma linguagem simbólica através da qual se veiculam os princípios doutrinários.

Nas igrejas e capelas da freguesia de Nelas a talha dourada e policromada foi usada sobretudo para a execução de estruturas retabulares, valorizando o espaço sagrado por excelência o altar, mas também as colaterais e laterais.

Encontramos colocadas nas estruturas retabulares e em outros locais dos templos, uma rica e diversificada variedade de imagens religiosas, que materializam o entendimento devocional e religioso das populações.

Existe um número considerável esculpido em pedra calcária da Ançã, sendo imagens de vulto, na sua maioria dos séculos XVI e XVI.

As esculturas de madeira, são na maioria dos séculos XVII a XIX, testemunham a crescente importância atribuída à simbologia das mesmas pelos fiéis.

A quantidade do número de esculturas representativas de alguns santos reflete a importância que o seu culto alcançou nessa área geográfica.

Numa associação direta com a sua intervenção milagrosa no quadro de um problema específico de saúde existe um único exemplo, o culto a Nossa Senhora da Tosse.

Existe o registo das seguintes esculturas:

   São Silvestre, Nelas


Sao Silvestre - Nelas


 São Domingos, Algeraz


Sao Domingos


 Menino Jesus, Nelas

Menino Jesus


 Nossa Senhora da Tosse, Folhadal

Santa tosse


São Sebastião, Folhadal

Sao Sebastiao


Santa Eufémia, Folhadal



Senhor da Cruz, Folhadal


senhor da cruz


As Capelas e Igrejas também são um marco no Património Religioso.

A Capela de São Domingos, Algeraz, tem particular destaque o Retábulo, foi enformado pelo barroco nacional, é uma estrutura de pequenas dimensões, com um primoroso trabalho de entalhe. As suas ilhargas compõem-se de duas pilastras guarnecidas por cordas de flores, intercaladas por colunas pseudo-salomónicas cujas espiras se encontram escondidas por uma sucessão de elementos que as envolvem: ramos de videira com cachos de grandes bagos, aves de fénix com exuberantes penas policromadas a debicar alcachofras e gorduchos putti em dinâmicas posições.


retabulo da igreja de sao domingos

No espaço central tem uma peanha composta por três figuras, que envergam voluptuosas vestes, calçam sandálias e com os braços erguidos sustentam a plataforma, sobre a qual repousa a imagem de São Domingos. É uma escultura de pequenas dimensões, o Santo veste o hábito preto e branco da ordem dominicana, tem na mão esquerda um livro e na outra uma vara com a flor-de-lis, junto aos seus pés encontra-se um cão.

O Retábulo da Capela-Mor da atual Igreja Matriz de Nelas, enquadra-se num estilo joanino, sendo a obra concluída EM NOVEMBRO DE 1753. Esta fisionomia foi alterada na segunda metade do século XX, sendo totalmente dourado.


retabilo igreja mor de nelas

A sua estruturação segue o característico esquema do arco do triunfo: nos flancos erguem-se dois pares de colunas pseudo-salomónicas, com as espiras enlaçadas por uma grinalda de flores, que ladeiam nichos, coroados por baldaquinos de onde pendem cortinas, nos quais se resguardam as imagens de São Miguel Arcanjo, no lado da Epístola, e Nossa Senhora da Conceição, no lado do Evangelho.

No Retábulo da Capela de Nossa Senhora da Tosse, Folhadal, estão expostas várias imagens, a maior parte recentes. Ao centro, sobre o trono, eleva-se a padroeira, uma escultura de madeira do século XVIII, com a Senhora e o Menino com coroas de prata, ambos segurando um raminho de flores. No flanco esquerdo enquadra-se uma imagem setecentista de São Sebastião, figurado como imberbe, preso ao tronco e cravado de setas. Na Capela encontram-se outras imagens de madeira policromada, que deveriam figurar no Retábulo, tendo sido substituídas pelas novas invocações, como Nossa Senhora de Fátima e o Sagrado Coração de Jesus.


retabulo igreja folhadal

Vinícola de Nelas

A fachada da Vinícola de Nelas é enobrecida com um conjunto de painéis de azulejos, pintados em 1946 por um artista que assina F. Macedo.

O painel central ostenta o nome da instituição e tem uma moldura policromada, composta por folhas de videira e cachos de uvas. É flanqueado por dois painéis, com primor, figurando a azul e branco cenas alusivas à vinicultura.

Foi fundada em 1939 e dedicou-se desde o início ao comércio de vinhos e seus derivados.

Nos anos 70 considera-se uma das maiores empresas portuguesas exportadoras de vinhos.

No centro de Nelas existe o chafariz edificado em 1723.

Ao centro compreendia dois tanques, um junto às bicas com os apoios para os cântaros, a partir do qual a água corria para o outro, localizado à sua frente. Lateralmente ostentava dois muros, que delimitavam o espaço, e ligavam à fachada central, rematada por um arco, ladeado por duas esferas. Atualmente, a sua fachada apresenta-se muito recortada e é rematada por um grande fecho. Possui três tanques retangulares, sendo o central mais estreito e alto que as laterais.

Junto ao antigo Quartel dos Bombeiros ergue-se um monumento de homenagem à coragem, voluntarismo e esforço dos soldados da paz em benefício das populações e do património ambiental do concelho. A escultura, da autoria do arquiteto Keil do Amaral, data de 1995. Compõe-se de vários troncos assimétricos, que circundam o globo terrestre posicionado no topo, enlaçados por uma espiral vermelha, símbolo do fogo que os bombeiros combatem com a água, evocada através da fisionomia da calçada.
|< início     < Anterior     Seguinte >     fim >|
Visite-nos
Eleições Autarquicas - 2021
Mapa da Freguesia de Nelas
Dia da Defesa Nacional
Newsletters
Junta de Freguesia de Nelas celebra o Natal com o comércio local
Mapa Google
Visitas
.::Visitas::.
Hoje: 40
Total: 204644
Início Autarcas Freguesia Informações Notícias Mapa do Portal Contactos Política de Privacidade
Junta de Freguesia de Nelas © 2010 Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por FREGUESIAS.PT
Portal optimizado para resolução de 1024px por 768px