.:: Junta de Freguesia de N. Srª da Graca de Povoa e Meadas ::.
Este website utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação e aumentar a usabilidade do mesmo. Para aceitar o uso de cookies basta continuar a navegar no website. Para mais informação consulte a informação sobre Politica de Privacidade e Política de cookies do site.
Aceitar
Início
Quinta-Feira, 15.11.2018
 
Contacte-nos
Notícias
Recenseamento
Farmácias
Locais de Interese (Património)
História de Póvoa e Meadas

Fundação

Integra uma região povoada desde épocas remotas, como provam os numerosos vestígios dolménicos do seu termo, que atestam a antiguidade da localidade.

Crê-se, que a Póvoa terá sido fundada pelos Templários em redor da actual Igreja da Misericórdia entre, pelo menos entre 1278 e 1372 data da sua doação, juntamente com a povoação das Meadas, a Álvaro Mendes de Cáceres, fidalgo castelhano, que veio para Portugal ao serviço do rei D. Fernando.

O foral novo, dado por D. Manuel em 1511 à Póvoa, vem, de certo modo, corrigir alguns abusos dos senhorios. É também neste foral que se estabelece de forma definitiva a junção das Meadas à Póvoa, pois nele se lê. «...este foral dado à nossa villa de Póvoa e Meadas....», culminando, assim, um longo processo de progressivo esvaziamento das Meadas e, como consequência, a sua gradual dependência face à Póvoa.

 A designação Póvoa e Meadas aparece, pois, pela primeira vez, em 1511 e voltaremos a encontra-la em 1549 na Bula «Pro excellenti apostolicae sedis», pela qual o Papa Paulo III cria, em 21 de Agosto a diocese de Portalegre.....

Constituído, em tempos, um concelho autónomo, foi extinto em 6 de Dezembro de 1836, no reinado de D. Maria II, data em que foi integrado no concelho de Castelo de Vide, sendo actualmente a única freguesia que não faz parte da Vila.

Localização:

Situada a 12 quilómetros da sede de concelho, e com uma área de 73.62 Km2.


Igreja Matriz
Datada do século XX, com arquitectura contemporânea, e quatro capelas.
Igreja de Santa Margarida
A igreja de Santa Margarida, pelo seu estilo histórico arquitectónico parece ter sido construída no séc. XVI.
Esta igreja está situada na povoação de Póvoa e Meadas junto à estrada que liga à Meada e orienta-se para Oeste.
A igreja de Santa Margarida é constituída por dois volumes: nave/capela-mor e sacristia.
A nave é rectangular e dividida em quatro tramos definidos por pilares rectangulares que sustentam também o tecto que é trapezoidal, de construção recente, mas respeitando a traça primitiva. Na parede Sul abre-se a porta principal, encimada por uma janela rectangular, pelo lado Este comunica com a capela-mor.
Capela-mor é rectangular e sobre-elevada em cerca de 50 cm em relação ao pavimento da nave. Na parede Norte rasga-se uma pequena fresta de iluminação e na do lado oposto há um nicho com imagem.
A fachada principal é voltada a Oeste e termina em ângulo em cujo vértice se ergue uma cruz de pedra. Na prumada do lado esquerdo da sacristia ergue-se uma pequena sineira. A frente da porta da entrada há um pequeno adro murado que não ultrapassa a largura da fachada.
Igreja da Misericórdia
Esta igreja terá sido construída nos fins do séc. XVI ou início do séc. XVII.
A igreja da Misericórdia situa-se na povoação de Póvoa e Meadas, concelho de Castelo de Vide.
A igreja é constituída por três volumes: nave, capela-mor e sacristia.
A nave é rectangular, o tecto é trapezoidal em ripado de madeira assente sobre barrotes.
Na parede Norte abre-se a porta principal, encimada por um janelão rectangular, na do Sul abre-se o arco triunfal de granito de volta perfeita assente sobre capitéis que encimam as ombreiras. Ao lado esquerdo foi construído um púlpito, na parede Este está a porta de acesso à sacristia.
A capela-mor é quadrangular, o solo é sobre-elevado em relação ao da nave. Nas paredes Oeste e Este, rasga-se um janelão de volta perfeita para iluminação, na do lado Sul ergue-se a mesa do altar.
A fachada principal é orientada para Norte e termina em ângulo, encimada por uma cruz de pedra. Ao centro tem a porta principal a que se chega por um patamar de três degraus.
A face exterior das ombreiras e do dintel são decoradas com duas cruzes de Cristo, um hexalfa, dois pentalfas e quatro cruzes de Malta inscritas em círculos.
Encimando a porta rasga-se um janelão para iluminação da nave. À direita, no extremo Oeste do telhado, ergue-se uma pequena sineira com sino.
Barragem de Póvoa e Meadas

BARRAGEM DE PÓVOA

   
UTILIZAÇÕES - Energia  
   
LOCALIZAÇÃO DADOS GERAIS
Distrito - Portalegre
Concelho - Castelo de Vide
Local - Póvoa e Meadas
Bacia Hidrográfica - Tejo
Linha de Água - Ribeira de Nisa
Promotor - HIDROTEJO, Hidroeléctrica do Tejo, SA
Dono de Obra (RSB) - HIDROTEJO
Projectista - Hidro Eléctrica Alto Alentejo
Construtor - Hidro Eléctrica Alto Alentejo
Ano de Projecto - 1925
Ano de Conclusão - 1928
   
CARACTERÍSTICAS HIDROLÓGICAS CARACTERÍSTICAS DA ALBUFEIRA
Caudal de cheia - 250 m3/s Área inundada ao NPA - 2360 x 1000m2
Capacidade total - 22000 x 1000m3
Capacidade útil - 18800 x 1000m3
Nível de pleno armazenamento (NPA) - 312 m
Nível de máxima cheia (NMC) - 313 m
   
CARACTERÍSTICAS DA BARRAGEM DESCARREGADOR DE CHEIAS
Betão - Gravidade
Altura acima da fundação - 32 m
Altura acima do terreno natural - 28,5 m
Cota do coroamento - 313,5 m
Comprimento do coroamento - 400 m
Fundação - Granito
Volume de betão - 32 x 1000 m3
Localização - Margem esquerda
Tipo de controlo - Sem controlo
Tipo de descarregador - Canal de encosta
Cota da crista da soleira - 309,85 m
Caudal máximo descarregado -
110 m3/s
   
DESCARGA DE FUNDO CENTRAL HIDROELÉCTRICA
Localização - Talvegue
Tipo - Através da barragem
Controlo a montante - Comporta
Controlo a jusante - Jacto ôco
Dissipação de energia - Jacto oco e fossas de erosão
Tipo de central - Céu aberto
Nº de grupos instalados - 2
Tipo de grupos - Francis
Potência total Instalada - 0,74 MW
Energia produzida em ano médio - 1,6 GWh
        Seguinte >     fim >|
Notícias
Agenda de Eventos
D S T Q Q S S
     1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30
Conduzir e Operar o Trator em Segurança
Conduzir e Operar o Trator em Segurança
Contentores/Cinzas
Contentores/Cinzas
Caminhada Rosas Albardeiras
Caminhada Rosas Albardeiras
Mapa Google
Visitas
.::Visitas::.
Hoje: 86
Total: 148153
Início Autarcas Freguesia Informações Notícias Mapa do Portal Contactos Política de Privacidade
Junta de Freguesia de N. Srª da Graca de Povoa e Meadas © 2009 Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por FREGUESIAS.PT
Portal optimizado para resolução de 1024px por 768px